Primeiramente, nós da equipe Male Feet Lovers gostaríamos de salientar que não nos responsabilizaremos pelas consequências que possam advir de qualquer atitude que o leitor venha tomar, baseado no conteúdo deste post.

Saiba o leitor que, ao contrário do que muitos pensam, é perfeitamente possível curtir os pés de um cara enquanto ele dorme. Isso exige técnica, não podendo ser feito de qualquer jeito, como aparece em varios tipos de videos de fetiche com essa temática.

"O fato aconteceu numa viagem à Salvador, em 2006. Era uma excursão com uns 50 passageiros. Daí, na divisão dos quartos eu(35 anos) fiquei no mesmo apto.com dois colegas de viagem, um de 18 anos e outro de 39 anos. Gosto de apreciar pés de homens(fetiche) mas ninguém sabe disso. Também não sou gay, nada contra a opção sexual das pessoas.

À noite, após dormirem, aproveitei pra pegar literalmente nos pés deles. Os dois não perceberam, pois dormiam como pedras, inclusive o mais velho até roncava um pouco. Foi legal as três noites, afinal deu pra matar o desejo. Um calçava 39 e o outro nº. 42.

Consegui levantar os lençois que os cobriam e descobri os pés, sem que eles acordassem, porém isso é perigoso, apesar de saber que o mais velho bebia álcool durante o dia, enquanto o mais novo não ingeria bebida alcoólica. Depois dessa vez não os vi mais, eram de outra cidade, mas valeu a pena!"
(Autor desconhecido)






Para compreender a técnica é preciso que o leitor tenha alguns conhecimentos básicos sobre as fases do sono que explicitaremos a seguir:

São identificados no sono dois estados distintos: o sono sincronizado ou sono NREM e o sono dessincronizado ou REM (do inglês, rapid eyes movement). O sono sincronizado é dividido em quatro fases ou estágios, segundo o aumento da sua profundidade. Já o sono REM caracteriza-se pela dessincronização dos potenciais (baixa amplitude e alta frequência das ondas cerebrais), episódios de movimentos oculares rápidos (daí a sigla em inglês, REM) e atonia muscular (perda do tônus muscular), bem com episódios de ereção peniana nos homens e ingurgitamento do clitoris nas mulheres.

O sono NREM ocupa cerca de 75% do tempo do sono e divide-se em quatro períodos distintos conhecidos como estágios 1, 2, 3 e 4:

Estágio 1 - começa com uma sonolência É a transição efetiva da vigília para o sono. Dura aproximadamente cinco minutos. A pessoa adormece, porém facilmente desperta pelos próximos 1 ou 2 minutos Durante este estágio, sensações de vagueio, mioclonias das mãos e dos pés, lenta contração,dilatação pupilar e pensamentos incertos são predominates. Nesta fase, a atividade onírica (sonho) está sempre relacionada com acontecimentos vividos em períodos próximos.

O Estágio 2 tem uma duração de 5 a 15 minutos. Nesta fase, os despertares por estimulação táctil, fala ou movimentos corporais são mais difíceis do que no anterior estágio. Aqui a atividade onírica já pode surgir sob a forma de sonhos com uma história integrada.

Estágio 3 – Sono moderadamente profundo. O estágio 3 e 4 apresentam muitas semelhanças entre si,por isso são quase sempre associados quando caracterizados. Nestas fases,são necessários maiores estímulos para acordar uma pessoa. Do estágio 3 para o estágio 4, há uma progressão da dificuldade de despertar. Este estágio tem a duração de 15 a 20 minutos.

Estágio 4 - Sono Profundo. São quarenta minutos de sono profundo. É muito difícil despertar uma pessoa nessa fase de sono. Sendo este estágio o mais efetivo para o descanso.

"Sempre tive tesão por pés, quando pequeno dormia na casa dos meus primos na mesma cama, virado para o lado oposto, só esperava eles dormirem e metia a cara no pe deles cheirava e lambia gostoso!"
Autor: Garoto Feet




A partir dessa primeira explicação conclui-se que o período mais seguro para você se aproximar dos pés de um cara dormindo é após os primeiros 20 ou 35min inciais de sono dele. Após esse tempo, o cara estará em sono profundo (estágio 4) e você terá 40min para desfrutar dos pés dele (REGRA 1).

Após completado o estágio 4, a pessoa retorna ao terceiro estágio (cinco minutos) e ao segundo estágio (mais quinze minutos). Entra, então, no sono REM. Este tipo de sono, como já mencionado, caracteriza-se pelos movimentos rapidos dos olhos, flacidez e paralisia funcional dos músculos esqueléticos(atonia muscular), entre outras coisas. Por isso, também é denominado por muitos autores como sono paradoxal ou estado dissociativo. É durante esse período que fazemos integração da atividade do dia, isto é, a separação do comum do importante. Embora ocupe apenas 20% do sono de um adulto o sono REM é tão importante que o restante é chamado de sono Não-REM . Alguns autores consideram o REM a forma mais leve de sono, em que as pessoas são acordadas mais facilmente. Nesta fase as pessoas sentem-se mais ativas e despertas. Durante uma noite de sono, uma pessoa normalmente tem cerca de 4 ou 5 períodos de REM, que são bem curtos no começo da noite e mais longos no final. É comum acordar por um curto período de tempo no fim de um acesso de REM.


Então, se você esta curtindo o pé de um cara dormindo e, de repente, observa uma ereção nele, não se anime! Pare imediatamente, pois é sinal de que o cara está entrando na fase REM do sono e poderá acordar facilmente, supreendendo você numa situação desconsertante (REGRA 2).

Evite sempre chupadas e lambidas no pé. São atitudes que despertam facilmente qualquer cara, independente do estado de sono em que ele esteja. Prefira sempre cheirar, beijar ou, se você curtir, footjob passivo* (REGRA 3).


DICAS:
Para um melhor resultado, se você está tendo a opornunidade de dormir proximo ao cara por cujos pés você tem desejo, submeta o cara a atividades físicas extenuantes durante o dia (ciclismo, corrida, natação, rapel...). Assim a noite ele estará bem cansado e com sono mais pesado.

* Footjob passivo: ter seu pênis estimulado pelo pezão gostoso de um cara é uma delícia (isso é footjob ativo). Footjob passivo é quando você encosta e esfrega seu pênis na sola tesuda de um cara.


Fonte:


- - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - -

- - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - -