Catergoria: Worship (adorando pés)
Autor: João






Era um dia como outro qualquer... Só havia uma coisa de especial: meu primo viria me visitar. Bom, nós nem nos conhecíamos direito e eu nem sabia que me esperava.

Quando meu primo chegou eu não vi um primo mas sim um DEUS grego na minha frente quase desmaiei eli mesmo, mas o melhor estava para vir.Ele logo se acomodou em um dos quartos de minha casa, e eu nada bobo fui atrás seguindo cada movimento que ele fazia, e até os que ele deixava de fazer mas o melhor mesmo foi quando ele tirou os sapatos me deparei com o pé mais lindo que eu já havia visto, quase não me continha minha vontade era cair de boca naquele pé enorme e gostoso.

Logo veio a noticia: meu primo teria que dormir comigo, pois não haviam mais camas que ele pudesse ocupar além de uma que havia no meu quarto. Ele concordou e eu estava no céu, quase não dava pra conter aquela felicidade.

Chegou a noite e todos já estava se ajeitando para dormir. Era uma noite de verão, bem quente e meu primo me perguntou se eu me incomodava se ele dormisse só de cueca eu disse: claro que não.Na minha cabeça já se passavam mil e uma coisas para fazer. Todos dormiram, menos eu claro. Fiquei uma meia hora esperando todos dormirem para que eu começasse a minha festa.

Meu primo tem um sono muito pesado muito, mais muito, muito mesmo tão pesado que podia cair uma bomba do lado dele que ele nem perceberia e eu com certeza me aproveitei da situação comecei a passar a mão naquele peitoral sarado lamber todo o seu corpo e com toda a certeza aquele pezão lindo gostoso e maravilhoso. Não demorou para minha mão escorregar, sem querer, em cima da cueca dele. Senti aquele pau grossão e duro na minha mão. Dei uma olhadinha nele, tirei sua cueca e fiquei vendo aquele pau enorme e duro na minha frente.

Mas eu não estava nem ligando para isso, eu queria mesmo era o pé dele na minha cara aquela delicia fiquei um tempão ``adorando´´ aquele pé na minha frente até que não aguentei e fui para o banheiro e fiquei me punhetando lá um tempão. Foi a melhor noite da minha vida. E até hoje toda vez que meu primo vem para minha casa é a mesma coisa.